O filósofo G. Deleuze compara as sensações auditivas causadas por Lee Scratch Perry e Zion Train

“Os sintetizadores analógicos são ‘modulares’: eles põem elementos heterogêneos em conexão imediata, introduzem entre esses elementos uma possibilidade de conexão propriamente ilimitada, em um campo de presença ou sobre um plano finito em que todos os momentos são atuais e sensíveis. Ao passo que os sintetizadores digitais são ‘integrados’: sua operação passa por uma codificação, por uma homogeneização e binarização dos data, em um plano distinto, infinito de direito, e do qual o sensível resultará por convenção-tradução. Uma segunda diferença aparece no nível dos filtros: a principal função do filtro é modificar a cor de base de um som, constituir ou fazer variar o timbre; mas os filtros digitais procedem a uma síntese aditiva dos formantes elementares codificados, enquanto o filtro analógico opera muitas vezes por subtração de frequências (alta, baixa etc.), de tal modo que, de um filtro a outro, sejam adicionadas subtrações intensivas, uma adição de subtrações que constitui a modulação e o movimento sensível como queda”.

Anúncios

respostas

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s